Combate Barreirinha se licenciará das competições do futebol amador

A taça da Segundona: o último ato antes do até breve do Combate Barreirinha
A taça da Segundona nas mãos do capitão Igor (aquele ex-Atlético e ex-Fluminense): o último ato antes do até breve do Combate Barreirinha

O Combate Barreirinha irá se licenciar das competições de futebol amador. O tradicional clube da Zona Norte Curitibana, um dos clubes mais famosos do futebol amador brasileiro, irá comunicar nesta terça-feira (24) que não irá disputar a Série A da Suburbana, competição que havia conquistado o direito de disputar após o título da Série B na última temporada. Com isso, o Imperial, terceiro colocado, será confirmado como novo membro da elite.

A informação foi dada pelo site Futebol Amador Paraná da Equipe Rolando a Bola. A principal alegação do Tricolor da Barreirinha é que a não renovação de patrocinadores da temporada anterior aliada à crise econômica impossibilita que o clube tenha condições de entrar na disputa. Neste ano, o clube já havia abrido mão de participar da Taça Paraná, competição que teria direito a uma vaga pelo título da Série B da Capital, alegando inviabilidade financeira.

Nas redes sociais, o diretor de futebol Edivaldo Jubim lamentou na noite desta segunda-feira (23) a necessidade do Combate Barreirinha se licenciar. “Sentirei muitas saudades, Tricolor da Barreira, que aprendi a amar muito. Que seja um até logo, Combate Barreirinha…o Gigante vai descansar”, escreveu em um post acompanhado do escudo da tradicional equipe e de uma foto do dirigente com a taça do ano passado.

Alguns atletas do time campeão já estão de casa nova, como o atacante Alex Pinhais, destaque da decisão, e que será apresentado em breve como reforço do Vila Fanny.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: