Desportivo Paranaense surpreende Urano em sua estreia na Suburbana

Jogadores do Desportivo Paranaense comemoram gol de Evandro (11): caçula bateu gigante em sua estreia no futebol amador

A zebra deu as caras na tarde deste sábado (4) no Manoel Garcia de Andrade. Estreante no futebol amador, o Desportivo Paranaense conseguiu suportar a pressão e conquistar uma surpreendente vitória fora de casa por 1 a 0 sobre o Urano, clube acostumado a conquistas, na abertura do Grupo A da Série B da Suburbana. Evandro foi o autor do único gol do time visitante.

“Foi jogo muito difícil. Foi importante para tirar peso da estreia. Estou feliz pelo gol, pela vitória e por entrar para a história do clube por fazer o primeiro gol na Suburbana”, afirmou o meia Evandro do Desportivo Paranaense. “Jogo de detalhes, pressionamos o jogo todo, tivemos bom volume de jogo, duas bolas na trave, a bola não quis entrar. Futebol é assim, eles foram mais competentes e fizeram o gol. Não fomos eficientes. Resta tomarmos a lição para melhorarmos na segunda rodada”, disse Flavinho, capitão do Urano.

O resultado joga o Desportivo Paranaense para a terceira colocação da chave, com três pontos, um gol de saldo e um gol marcado. O Urano é oitavo colocado. Na próxima rodada, dia 11 de agosto, próximo sábado, o Urano recebe o Olímpico no Manoel Garcia de Andrade. O Desportivo Paranaense recebe o Shabureya no Octávio Silvio Nicco. Os juvenis entram em campo às 13h30 e os adultos às 15h30.

O jogo

O Urano começou a partida com mais volume de jogo, mas sentia dificuldade para finalizar. Bem postado, o Desportivo Paranaense tinha uma zaga alta com Eduardo e Vina e Vini Rocha, Juan e Evandro ajudando na marcação. Destacaram-se pelo time grená o lateral-esquerdo Briski, o meia Rafa e o atacante Bruno, principalmente quando recuperavam a bola e saíam em velocidade.

Foi assim, trabalhando em velocidade, que o Desportivo abriu o marcador aos 19 minutos, com Evandro completando a jogada. O gol desestabilizou momentaneamente o Urano, que passou a ir para a cima desordenadamente em busca do empate e deu espaço ao Desportivo, que deu alguns outros sustos no goleiro Ricardo.

No intervalo, o técnico Cristiano Bassoli sacou Sidimar, Diego e Pelé e colocou Adriano Marmita, Cafu e Roger. A equipe melhorou e aí quem começou a brilhar foi o goleiro Fábio, com pelo menos quatro grandes defesas.

Pelo time do Urano, Rafael se destacou desarmando e armando. O camisa 5 teve sua camisa rasgada em um lance com Vini Rocha e passou a usar a 19 no final da partida, tendo uma atuação aguerrida, mas parando na trave. Roger, Flavinho e Adriano Marmita perderam algumas das chances claras de gol.

A partida ficou mais dramática quando, já com todos os seus 12 jogadores relacionados, o zagueiro Vina deu um susto ao se chocar com a trave em uma jogada de ataque. Com um corte no supercílio direito e sem reservas, o camisa 4 precisou ter ataduras na cabeça e colocar uma touca de natação para seguir em campo. Acabou sendo o herói da resistência do Desportivo ao absurdo volume de chances criadas e desperdiçadas pelo ataque do Urano. Com o tempo do atendimento ao defensor, o jogo acabou com 56 minutos e com uma vitória histórica para o Desportivo Paranaense, a sua primeira em seu primeiro jogo oficial como equipe adulta da Suburbana.

Interinato

Na partida deste sábado, o Desportivo Paranaense foi comandado por João Maia, interino. O motivo é que o técnico Edison Placha, o Juninho, não saiu no BID.

Nos juvenis, Urano faz valer o favoritismo

Na preliminar de juvenis, o Urano não deu chance para surpresas e venceu por 2 a 0. O Azulão fez valer a vantagem de ter uma equipe mais madura que a do adversário e de ter mais opções de mudar a partida, convertendo a superioridade em gols.

O Urano saiu na frente aos 31 minutos com o zagueiro Renan aproveitando uma bola no segundo pau. O segundo gol saiu logo depois, aos 35 minutos, com Alisson aproveitando jogada coletiva trabalhada.

No segundo tempo, o ritmo da partida diminuiu, principalmente pela falta de reservas do Desportivo e pelo fato do Urano também ter poucos jogadores relacionados, apenas treze, todos utilizados.

Ficha Técnica:

Urano 0 x 1 Desportivo Paranaense

Estádio Manoel Garcia de Andrade, Vila São Pedro, Xaxim, Curitiba

Urano: Ricardo; Boiadeiro, Kevin, Massa e Flavinho; Rafael, Sidimar (Roger, depois Ricardinho), Diego (Cafu), Gleisson e Giovani  (Ligeirinho); Pelé (Adriano Marmita). Técnico: Cristiano Bassoli.

Desportivo Paranaense: Fábio; Cléverson, Eduardo, Vina e Briski; Vini Rocha, Juan, Evandro, Geovane e Rafa; Bruno (Gabriel Vasconcelos). Técnico: João Maia.

Arbitragem: João Eduardo Dotto Ramos, André Assunção Estevan e Nycollas Fabrício dos Santos.

Gol: Evandro (DPR, aos 19’/1.º).

Cartões Amarelos: Massa, Flavinho (URA); Vini Rocha, Bruno (DPR).

Confira imagens das partidas:

Este slideshow necessita de JavaScript.

About the author

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: