Com gol solitário em falha de goleiro, Corinthians conquista a Copinha pela nona vez

id_18_escudo_fpf_70

Num jogo duro, decidido num lance de azar do goleiro Thalles do Botafogo-SP, o Corinthians conquistou pela nona vez a Copa São Paulo de Futebol Junior. A vitória por 1 a 0, na manhã deste domingo (25), aniversário de 461 da cidade de São Paulo, no Pacaembu, coroou a conquista do time do Parque São Jorge, o maior vencedor da competição. Maycon fez o gol da partida.

PacaembuFinal

 

No primeiro tempo, o Corinthians fez bons primeiros 15 minutos e então viu o Botafogo-SP crescer em campo. Aos 17 minutos, Alex acerta uma falta na trave e Túlio Souza perde na frente da meta a chance de abrir o placar para o time de Ribeirão Preto. Para equilibrar as chances perdidas, aos 42 minutos, Yan desperdiçou de frente para o crime uma bola rasteira após boa jogada pela direita de Gabriel Vasconcellos.

Na segunda etapa, os goleiros começaram trabalhando bem. Thalles defendeu bom chute de Yan aos 2 minutos e Caíque fez dupla defesa em cabeçada de Túlio Souza aos 8 minutos.

Mas o jovem Thalles descobriu, aos 17 anos de idade, o quão ingrata pode ser a vida de goleiro. Aos 21 minutos, Maycon arrisca de longe e goleiro do Botafogo foi para a bola indeciso se iria encaixar ou espalmar. Resultado: a bola escorregou para trás e entrou, virando o gol do título corintiano em falha do goleiro que vinha sendo destaque até o momento.

O Botafogo primeiro sentiu o baque do gol e depois partiu para o ataque de maneira desordenada sem sucesso. Se foi o nono título para o Corinthians, o time de Ribeirão Preto iguala sua melhor campanha, um vice-campeonato, igual ao time de 1983, que tinha em suas fileiras dois jogadores que viriam a vestir a camisa da seleção brasileira: os meias Raí e Marco Antônio Boiadeiro.

 

 

Leave a Comment

Filed under Metrópole Poliesportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *