#BrasileirãoFreak – 14/06

brasfreak

Salve! Semana fria por estas paragens. Semana quente no Brasileirão. Temos sete rodadas completadas na Série A e oito na Série B e várias situações numéricas para relatar aqui, pois este é o #BrasileirãoFreak. Infelizmente, a Gazeta Esportiva de SP deixou de fornecer em seu site a tabela com as posições dos times rodada a rodada, o que é um flagrante retrocesso. Enquanto isso, procuramos algum outro lugar que tenha e que possa nos servir, então, de base para isso.

Série A

– Todos os times do G4 estão com seus arquirrivais no G4. A saber o G4: Internacional, Palmeiras, Grêmio e Corinthians.

– Há apenas seis pontos entre o fim do G4 e o começo da ZR. No meio disso, todos os times entre o 5.º e o 11.º posto têm 10 pontos. Equilíbrio.

– O Palmeiras é o único time que não empatou jogo na Série A.

– Bruno Rangel assumiu a artilharia ao lado de Grafite com seis gols. Logo depois deles, Rafael Moura tem cinco. Todos os três têm mais de 30 anos. Panela Velha.

– Pior ataque, com apenas quatro gols, Botafogo marcou menos que Rafael Moura.

– O melhor driblador da Série A até o momento, com nove dribles certos, é Marinho, do Vitória. Sabia não.

– Os onze melhores lançadores, liderados por Weverton, do Atlético Paranaense, com 57 lançamentos corretos,são goleiros. O melhor lançador “de linha” é o zagueiro Émerson Silva do Botafogo, 12.º na estatística.

Série B

– Novo lanterna, o Tupi perdeu todos seus últimos cinco jogos.

– O G-4 tem só gente que conhece a Série A: Vasco, Atlético-GO, Bahia e Náutico.

– Comandando por Fernando Diniz, o Oeste tem maior número de passes disparado: 3853 contra 2698 do Bahia. O maior passador da competição é Francis do Oeste, com 507 passes completos. Carimbador maluco.

– O time com mais desarmes na competição é o Londrina, com 145. Tubarão vai te pegar, onda, olha a onda!

Freakadas Alheias

Nesta semana, ao contrário da última, nenhuma participação. Quer aparecer aqui? É só postar alguma estatística que notou dos Brasileiros Série A e B e postá-la sob a hashtag #BrasileirãoFreak no twitter. Funciona sem acento também.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *