Acidente de trabalho mata meia do Santíssima Trindade

Fora do futebol, Rodolfo, 28 anos, trabalhava com manutenção de elevadores

A Suburbana perdeu um de seus bons jogadores. Rodolfo Leon Régis Romeu Duarte, ou simplesmente Rodolfo, ou Raí, camisa 10 do Santíssima Trindade, morreu na manhã desta sexta-feira (25) aos 28 anos de idade. O jogador de futebol amador trabalhava com manutenção de elevadores e foi vítima de um acidente de trabalho em uma obra no bairro da Água Verde, em Curitiba.

Segundo informações dos portais RIC, Banda B e Rolando a bola, o operário trabalhava no fosso de uma obra comercial quando o elevador cedeu, esmagando-o sem chances de fuga. O jogador deixou esposa grávida e uma filha.

“Muito obrigado. Você foi 10 em tudo. Descanse em Paz. Que Deus conforte o coração da família e amigos. E os proteja. É muito triste sua partida pela forma que aconteceu. Não me conformo”, publicou em seu perfil no Facebook o técnico Oscar Kirsten, do Santíssima Trindade.

A Federação Paranaense de Futebol declarou luto oficial de três dias e um minuto de silêncio será observado em todas as partidas das Séries A e B da Suburbana. A entidade também adiou a partida que seria realizada neste sábado (26) entre o Santíssima Trindade e o Vasco da Gama, no Parque Linear, tanto no juvenil quanto no adulto. Uma nova data será anunciada.

1 Comment

Filed under Futebol Alternativo, Metrópole adentro

One Response to Acidente de trabalho mata meia do Santíssima Trindade

  1. Pingback: Uma tarde em Curitiba: Trieste bate Vila Sandra de virada e assume a liderança da Suburbana – Desprovidos de fama

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *