Tag Archives: Série A

#BrasileirãoFreak – 05/12

Season Finale. Será que renova para o ano que vem? É o #BrasileirãoFreak fechando os trabalhos de 2017. Depois de hoje, só 2018. Sendo assim, vamos analisar os números finais relembrando alguns conceitos usados durante o ano, tipo fizemos com a Série B semana passada.

Série A

* O campeão Corinthians fechou com 72 pontos, quatro abaixo da Média Inglesa, que é de 76 pontos.

* Calculei que o G4 viria com 63 pontos. Veio com 62 no caso do Grêmio. Palmeiras e Santos fizeram 63.

* Esperava um G6 com 58 pontos. Veio com 56 pontos para o Flamengo. Como o Grêmio, campeão da Libertadores, e o Cruzeiro, campeão da Copa do Brasil estão entre os seis, o G6 virou G8, entrando na Libertadores a Chapecoense com 54 pontos. Caso o Flamengo vença a Sul-Americana, vira G9, com o Atlético-MG entrando com os mesmos 54 pontos (a Chape tem uma vitória a mais).

* Calculei antes do certame a salvação do rebaixamento com 45 pontos. O Sport, 15.º, fez esta pontuação. No entanto, o Vitória se salvou em 16.º com 43 pontos, 11 vitórias e -8 de saldo. Isto é: o Coritiba caiu por um mísero gol de saldo.

* Vasco e Chapecoense se classificaram para a Libertadores com saldo negativo: -7 e -2, respectivamente.

* O resultado mais repetido na competição foi vitória do Corinthians, 21 vezes.

* O Atlético-GO venceu apenas 9 vezes.

* O Corinthians foi quem menos perdeu, 8 vezes. O Atlético-GO perdeu 20 partidas.

* O rei do empate foi o Fluminense, com 14 igualdades.

* O resultado que menos aconteceu na competição foi empate do Palmeiras, apenas 6 vezes, o nosso Juan Pablo “Win Or Wall” Montoya do Brasileirão!

* Ataques ganham jogos… O Palmeiras teve o melhor ataque com 61 gols marcados.

* Defesas ganham campeonatos… O Corinthians teve a melhor defesa com 30 gols sofridos.

* O Avaí teve o pior ataque, marcando apenas 29 gols.

* Além de serem leões, nordestinos, rubro-negros e se salvarem na última bola do campeonato, Sport e Vitória dividem a desconfortável marca de piores defesas, pois sofreram 58 gols cada.

* Jô e Henrique Dourado chegaram a 18 gols na artilharia. Tal marca os iguala na história a: Fred do Fluminense de 2014, Bebeto do Vasco de 1992, Toninho Guerreiro do Santos do Robertão de 1968. Ficou de bom tamanho?

Freakadas Alheias

Ninguém usou a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e aparecer aqui nesta semana. Se alguém tiver coragem durante nosso sono, poderá aparecer na temporada que vem, ou não. Até 2018!

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 28/11

Ai ai ai ai ai… já está chegando a hora.. O dia já vem raiando meu bem… É a penúltima parada do #BrasileirãoFreak desta temporada. Série A praticamente definida, restando últimas vagas na B e em competições. Série B encerrada e com a análise dos números. Lá vamos nós:

Série A

* O Corinthians não alcança mais a Média Inglesa. Termina com no máximo 75 pontos, um abaixo.

* Por outro lado, também, o G6 terá times abaixo de 58 pontos.

* O G4 está definido. Só resta definir a ordem do segundo ao quarto.

* O Vasco pode se classificar para a Libertadores com saldo negativo.

* Ponte Preta e Atlético-GO já caíram e não chegam aos 45. Vitória, Coritiba, Sport e Avaí, que não chegaram ainda aos 45, correm o risco de cair na próxima rodada. Com 46, o Fluminense já se salvou.

Régua dos Pontos

72 a 75: Corinthians

63 a 66: Palmeiras

62 a 65: Grêmio, Santos

56 a 59: Cruzeiro

53 a 56: Flamengo, Vasco

52 a 55: Botafogo

51 a 54: Chapecoense, Atlético-MG

49 a 52: Bahia, São Paulo

48 a 51: Atlético-PR

46 a 49: Fluminense

43 a 46: Vitória, Coritiba

42 a 45: Sport, Avaí

39 a 42: Ponte Preta

34 a 40: Atlético-GO

Série B

* O campeão América-MG fez 73 pontos, três a menos que a Média Inglesa, mostrando ser um campeonato ligeiramente equilibrado

* O Paraná foi quarto com 64 pontos. Projetávamos acesso com 63 pontos.

* Luverdense caiu com 44 pontos e o Guarani se salvou com os mesmos 44 pontos, mas 11 vitórias. Calculávamos a salvação em 45 pontos, que foi o que o CRB e o Goiás, logo acima, fizeram.

* América-MG e Internacional foram os que mais venceram: 20 vezes.

* Santa Cruz e Náutico foram os que menos venceram: 8 vezes.

* O resultado mais repetido da competição foram derrotas de ABC e Náutico: 22 vezes cada.

* Já o resultado mais raro foi derrota do América-MG: 5 vezes.

* O Oeste empatou 17 vezes, isto é, quase um turno inteiro.

* Já o Brasil de Pelotas, empatando apenas seis vezes, foi o Juan Pablo Montoya da Série B: win or wall!

* O Londrina foi o melhor ataque, com 56 gols.

* O ABC foi o pior ataque, com 28 gols: primário.

* Defesas ganham campeonatos e a do América-MG foi campeã, sofrendo apenas 25 gols.

* O Santa Cruz caiu com a pior defesa, sofrendo 46 gols.

* Mazinho do Oeste e Bergson do Paysandu fecharam na artilharia com 16 gols cada. É a mesma marca de Reinaldo do Vitória de 2005 e a mesma de Adhemar do São Caetano durante apenas o Módulo Amarelo da João Havelange (2000).

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 21/11

Já temos campeão na A e a B tem os promovidos e rebaixados definidos. É o Brasileirão acabando e o #BrasileirãoFreak em sua antepenúltima parada do ano. Vamos aos números:

Série A

* Já campeão, o Corinthians saiu da Média Inglesa ao perder para o Flamengo. No entanto, se vencer seus dois jogos restantes, fecha com 77 pontos, um acima da marca.

* O Santos tem 59 pontos, que em tese o garante no G6, pelas projeções. Na prática, também, pois é inalcançável pelo sétimo colocado.

* São Paulo e Fluminense estão acima dos 45 pontos do salvamento. Não se surpreendam se a marca deste ano for um pouco abaixo.

* Atlético-MG e Vasco não chegam nos 58 pontos do G6 esperado.

* O Atlético-GO já está rebaixado.

* O Palmeiras não é mais alcançável pelo Flamengo. O Coritiba não alcança mais o Flamengo. Ponte Preta, Sport e Avaí não alcançam mais São Paulo e Fluminense.

* Jô e Henrique Dourado chegaram a 18 gols na artilharia. Tal marca os iguala na história a: Fred do Fluminense de 2014, Bebeto do Vasco de 1992, Toninho Guerreiro do Santos do Robertão de 1968.

Régua dos Pontos

71 a 77: Corinthians

61 a 67: Grêmio

60 a 66: Palmeiras

59 a 65: Santos

56 a 62: Cruzeiro

53 a 59: Flamengo

52 a 58: Botafogo

50 a 56: Atlético-MG, Vasco

49  55: Bahia, 

48 a 54: Atlético-PR, Chapecoense

46 a 52: São Paulo, Fluminense

43 a 49: Coritiba

40 a 46: Vitória

39 a 45: Ponte Preta, Sport, Avaí

34 a 40: Atlético-GO

Série B

* Todos os acessos e descensos estão definidos. Agora resta saber a ordem dos dois primeiros, do terceiro e do quarto, e dos três últimos.

* O campeão terá entre 70 e 73 pontos. A Média Inglesa é de 76.

* O quarto colocado terá entre 63 e 66 pontos. Sinal que nossa meta de 63 pontos para o acesso era bastante realista.

* O primeiro da ZR terá no máximo 44 pontos e 10 vitórias. O que dá validade à nossa referência de 45 pontos.

Régua dos Pontos

70 a 73: América-MG

68 a 71: Internacional

64 a 67: Ceará

63 a 66: Paraná

59 a 62: Londrina

58 a 61: Vila Nova, Oeste

51 a 54: Juventude

49 a 52: Boa

48 a 51: Brasil de Pelotas, Paysandu, Criciúma

45 a 48: CRB, Figueirense

44 a 47: Goiás, Guarani

41 a 44 Luverdense

34 a 37: ABC, Santa Cruz

32 a 35: Náutico

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 14/11

Estamos na reta final. Poderemos ter campeão na próxima semana (ou no meio desta, pois temos 12 pontos para disputar o Corinthians tem 10 de frente). E o #BrasileirãoFreak está mais em ritmo de definições a cada semana que passa antes de encerrarmos mais uma temporada da coluna. Cai dentro:

Série A

* O Corinthians está com aproveitamento proporcional à Média Inglesa. Se tiver nas rodadas restantes o aproveitamento do resto do campeonato (vencendo duas e empatando duas), fará exatamente os 76 pontos da Média Inglesa. Pode ser campeão na rodada de meio de semana.

* O Grêmio fez 58 pontos. Pontuação que garante G6, que hoje é G7 e pode virar G9.

* Atlético-PR e São Paulo fizeram os 45 pontos que devem (e serão) ser suficientes para se garantir na elite de acordo com projeção de início.

* Há 14 pontos entre o G7 e a ZR. Logo estão inalcançáveis.

* São Paulo e Atlético-PR não chegam mais aos 58 pontos da estimativa do G6, mas podem se favorecer da extensão para G7, G8 ou G9.

* O Atlético-GO não chega mais aos 45 pontos. Isso significa 99,9% de chances de cair.

* O Corinthians, pelo número de vitórias, não pode mais ser alcançado pelo Santos, e pode se tornar inalcançável por qualquer um na próxima rodada, isto é: campeão. O Fluminense não pode mais se alcançado pelo Atlétic0-GO. Sport e Ponte Preta não podem mais serem alcançados pelo Vasco, que está livre do rebaixamento com certeza.

* Henrique Dourado chegou aos 17 gols. Isto o iguala a Souza Caveirão do Goiás de 2006 e a Dadá Maravilha do Galo e Pedro Rocha do São Paulo de 1972.

Régua dos Pontos

68 a 80: Corinthians

58 a 70: Grêmio

57 a 69: Palmeiras

56 a 68: Santos

54 a 66: Cruzeiro

51 a 63: Botafogo

50 a 62: Flamengo

49 a 61: Vasco

46  58: Bahia, Atlético-MG

45 a 57: São Paulo, Atlético-PR

44 a 56: Chapecoense

43 a 55: Fluminense

40 a 52: Coritiba

39 a 51: Vitória

36 a 48: Sport, Ponte Preta

35 a 47: Avaí

30 a 42: Atlético-GO

Série B

* Relembrando a coluna anterior, ninguém alcança mais a Média Inglesa. No entanto, o novo líder, o América-MG, por número de vitórias, é o primeiro time a garantir o acesso. Poderemos ter, na nossa próxima edição, todos os promovidos definidos. Do mesmo modo, Santa Cruz, Náutico e ABC já caíram para a Série C. Resta uma vaga na degola.

* Mesmo assim, o Internacional tem 64 pontos, sendo que a projeção do último promovido é de 63.

* Brasil de Pelotas e Paysandu têm os 45 pontos da salvação projetada.

* O Juventude não chega mais nos 63 pontos projetados para o acesso. E curiosamente não chega mais no G4 pelo número potencial de vitórias.

* Santa Cruz, Náutico e ABC não alcançam mais os 45 pontos. Coincidentemente estão matematicamente rebaixados.

* O América-MG não pode mais ser alcançado pelo Oeste (subiu, obviamente). O Paraná não pode mais ser alcançado pelo Juventude, sendo que este não pode mais ser alcançado pelo Luverdense.

* Mazinho, o Messi Black, chegou aos 16 gols na artilharia. É a mesma marca de Reinaldo do Vitória de 2005 e a mesma de Adhemar do São Caetano durante apenas o Módulo Amarelo da João Havelange (2000).

Régua dos Pontos

66 a 75: América-MG

64 a 73: Internacional

60 a 69: Ceará

59 a 68: Paraná

57 a 66: Oeste

55 a 64: Londrina

54 a 63: Vila Nova

50 a 59: Juventude

46 a 55: Criciúma

45 a 54: Brasil de Pelotas, Paysandu

44 a 53: Goiás

43 a 52: Figueirense, Guarani, Boa

42 a 51:   CRB

40 a 49 Luverdense

33 a 42: Santa Cruz

31 a 40: Náutico, ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 07/11

Uma semana andou e o #BrasileirãoFreak está no ar. A Série B está um tanto mais aberta que a A, mas as duas podem ter reviravoltas ainda perto do fim. Vamos aos números.

Série A

* Ninguém na Média Inglesa. O Corinthians tem uma gordura de seis pontos, abriu um em uma semana, e está distante um de se garantir no G4.

* O Santos está distante dois pontos de se garantir no G6.

* O Vasco acabou de se garantir na Série A ao fazer 45 pontos.

* São 12 pontos entre o atual G7 e a ZR.

* Lembrando que só o Corinthians alcança a Média Inglesa. No entanto, com o atual aproveitamento, não deverá alcançá-la.

* Do Coritiba para baixo, ninguém alcança mais os 58 pontos calculados para o G6.

* Matematicamente, o Atlético-GO só se salva do rebaixamento se vencer todos os seus jogos, pois só chega a 45 pontos.

* O Atlético-GO não alcança mais o Flamengo. O São Paulo não alcança mais o Corinthians. Vitória, Ponte Preta e Avaí não alcançam mais Palmeiras e Grêmio.

Régua dos Pontos

62 a 80: Corinthians

56 a 74: Santos

54 a 72: Grêmio, Palmeiras

51 a 69: Cruzeiro

48 a 66: Botafogo

47 a 65: Flamengo

45 a 63: Vasco

43 a 61: São Paulo

42 a 60: Bahia, Atlético-PR, Atlético-MG, Fluminense

40 a 58: Chapecoense

38 a 56: Coritiba

36 a 54: Sport

35 a 53: Vitória, Ponte Preta, Avaí

27 a 45: Atlético-GO

Série B

* Inter e Luverdense têm um jogo a mais, pois jogaram nesta segunda-feira e empataram por 2 a 2. O Inter pode ser alcançado em pontos pelo América-MG, mas fica na frente por vitórias. Ninguém opera dentro da Média Inglesa. Aliás: ninguém mais tem como alcançá-la, o que configura  Série B como um campeonato oficialmente equilibrado.

* O Internacional alcançou os 63 pontos, projeção para o acesso.

* Há 17 pontos entre o G4 e a ZR. Estão inalcançáveis entre si.

* Ninguém mais alcança os 76 pontos da Média Inglesa. Campeonato aberto e equilibrado na briga pelo título.

* De Goiás e Criciúma para baixo, ninguém chega nos 63 pontos.

* O ABC não chega mais aos 45 pontos. Isso dá 99% de chances de rebaixamento. Náutico e Santa Cruz estão ameaçados de ficar abaixo desta marca em uma partida.

* Goiás e Criciúma não alcançam mais o Internacional. O Boa não alcança mais o Paraná. O ABC não alcança mais Londrina e Juventude. Luverdense não alcança mais o Oeste.

Régua dos Pontos

63 a 75: Internacional

60 a 75: América-MG

58 a 73: Ceará

56 a 71: Paraná

55 a 70: Oeste

52 a 67: Vila Nova

49 a 64: Londrina, Juventude

43 a 58: Goiás, Criciúma

42 a 57: Paysandu, Figueirense

40 a 55: Boa

39 a 54: Brasil de Pelotas, Guarani, CRB

40 a 52: Luverdense

 

32 a 47: Santa Cruz

31 a 46: Náutico

28 a 43: ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 31/10

Dia das Bruxas. O Brasileirão ficou mais imprevisível que serão necessários alguns poderes mediúnicos para prever com precisão o que teremos pela frente. Aqui no #BrasileirãoFreak, sem poderes e com ceticismo, vamos na base dos números consolidados para uma pequena radiografia de momento:

Série A

* Aproveitamento corintiano derreteu mais um pouco e se afastou mais ainda da Média Inglesa. Tanto que estacionou nos 59 pontos, onde estava semana passada. No entanto, a competência de quem vem atrás deixa tudo em aberto, pois o Palmeiras só empatou e agora a diferença é de cinco pontos com sete jogos para fazer e um confronto direto.

* Sendo assim, o Palmeiras está a quatro pontos de garantir o G6.

* São 12 pontos entre G7 e ZR.

* O vice-líder Palmeiras não alcança mais a Média Inglesa. Corinthians pode estourar champanhe? Não! Pois nem ele, no atual rendimento, alcançaria os 76 pontos, embora chegue a 80 se vencer todos os jogos pela frente, o que é sintoma de campeonato equilibrado.

* Sport, Coritiba, Ponte Preta e Avaí não alcançam os 58 pontos do G6 e nem mais o líder Corinthians.

* O lanterna Atlético-GO não alcança mais o Grêmio.

Régua dos Pontos

59 a 80: Corinthians

54 a 75: Palmeiras

53 a 74: Santos

51 a 72: Grêmio

48 a 69: Cruzeiro, Botafogo

47 a 68: Flamengo

44 a 65: Vasco

42 a 63: Atlético-PR, Atlético-MG

40 a 61: São Paulo

39 a 60: Chapecoense, Bahia, Fluminense

35 a 56: Sport, Coritiba, Ponte Preta, Avaí

34 a 54: Vitória

27 a 48: Atlético-GO

Série B

* Ninguém na Média Inglesa na Série B. E o Inter, que ameaçou entrar dentro dela, perdeu um jogo chave e tem três pontos de frente apenas. No entanto, o G4 abriu quatro pontos para o quinto colocado, algo crucial com seis rodadas para o fim.

* Há 20 pontos entre o G4 e a ZR.

* O Internacional está a dois pontos de garantir os estimados 63 pontos para o acesso.

* O América-MG não alcança mais os 76 pontos da Média Inglesa. No entanto, o líder Inter pode não alcançar mais se tropeçar em duas rodadas, sinal que o título não está tão fechado e, assim com a Série A, é um campeonato disputado.

* Goiás e Criciúma não chegam mais aos 63 pontos calculados para o acesso.

* Náutico e ABC podem ficar abaixo dos 45 pontos possíveis na próxima rodada, o que configura 99% de chances de rebaixamento.

* Goiás e Criciúma não alcançam mais o Internacional. Luverdense não alcança mais o Paraná. Náutico e ABC não alcançam mais o Vila Nova.

Régua dos Pontos

61 a 79: Internacional

58 a 76: Ceará

57 a 75: América-MG

56 a 74: Paraná

52 a 70: Oeste

51 a 69: Vila Nova

46 a 64: Londrina, Juventude

42 a 60: Goiás, Criciúma

41 a 59: Paysandu

40 a 58: Boa

39 a 57: Brasil de Pelotas, Figueirense, Guarani

38 a 56: CRB

36  a 54:  Luverdense

32 a 50: Santa Cruz

28 a 46: Náutico, ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 24/10

O tempo passa, o tempo voa e são sete rodadas para o fim da Série B e oito para o fim da Série A. Neste ritmo que o #BrasileirãoFreak da semana está no ar. Solta a v… digo, vamos aos números:

Série A

* Atenção! Atenção! Atenção! Pela primeira vez em trocentas rodadas não temos ninguém operando dentro da Média Inglesa. Sim! O aproveitamento do Corinthians está abaixo dos dois terços. Podemos dizer definitivamente que o campeonato está em aberto. No entanto, com mais quatro pontos o Corinthians garante G4.

* Palmeiras e Santos estão distantes cinco pontos de garantir G6 e a seis do líder.

* Temos 14 pontos entre o G6 e a ZR. Se considerarmos o atual G7, são 13 pontos.

* Os sete primeiros já se garantiram na elite em 2018.

* O Grêmio não alcança mais a Média Inglesa. Porém, com o Corinthians abaixo desta projeção, mas podendo se recuperar, dependerá das próximas rodadas para se definir entre um difícil título ou apenas uma confortável vaga à Libertadores. Lembrando que o Tricolor ainda está na competição continental.

* O Vitória não alcança mais os 58 pontos. Pode-se se considerar riscado da Libertadores 2018.

* O Avaí não alcança mais o Corinthians. Palmeiras e Santos não podem mais ser alcançados pelo Atlético-GO.

* Henrique Dourado do Fluminense chegou aos 16 gols na artilharia. Na história, ele iguala as seguintes marcas: Paulo Nunes do Grêmio e Renaldo do Atlético-MG em 1996, Roberto Dinamite do Vasco em 1984, Nunes do Flamengo de 1981, Dadá Maravilha do Internacional de 1976 e Flávio Minuano do Internacional de 1975.

Régua dos Pontos

59 a 83: Corinthians

53 a 77: Palmeiras, Santos

50 a 74: Grêmio

47 a 71: Cruzeiro, Botafogo

46 a 70: Flamengo

43 a 67: Vasco

41 a 65: Atlético-PR, Atlético-MG

38 a 62: Chapecoense, Bahia, Fluminense

37 a 61: São Paulo

35 a 59: Sport

34 a 58:  Avaí

33 a 57: Vitória

32 a 56: Ponte Preta, Coritiba

26 a 50: Atlético-GO

Série B

* Ninguém na Média Inglesa na Série B também. Campeonato em aberto por enquanto mesmo com o Inter abrindo vantagem. Dois pontos mais e o Colorado chega na meta do Acesso.

* Todos os oito primeiros estão livres do rebaixamento para a Série C.

* Há 18 pontos entre o G4 e a ZR.

* O Paraná não alcança mais a Média Inglesa. O que significa que as chances de título tendem a zero.

* Brasil de Pelotas e Boa não alcançam mais os 63 pontos projetados para o acesso.

* O ABC pode ficar sem poder alcançar os 45 pontos na próxima rodada, o que é 99% de rebaixamento.

* O Inter não é mais alcançável por Brasil de Pelotas e Boa. O Santa Cruz não alcança mais o Paraná no G4.

* Mazinho do Oeste chegou aos 15 gols. Mesma marca do artilheiro do ano passado, Bill, pelo Ceará.

Régua dos Pontos

61 a 82: Internacional

56 a 77: América-MG

55 a 76: Ceará

53 a 74: Paraná

51 a 72: Vila Nova

49 a 70: Oeste

46 a 67: Londrina

45 a 66: Juventude

42 a 63: Criciúma

41 a 62: Goiás

39 a 60: Brasil de Pelotas, Boa

38 a 59: Paysandu, Guarani, CRB

36 a 57: Figueirense

35  a 56:  Luverdense

31 a 52: Santa Cruz

27 a 48: Náutico

25 a 46: ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 17/10

Após duas semanas de recesso, devido à Seleção Brasileira, estamos de volta. Coisas se definindo e funis cada vez mais apertados: é isso que o #BrasileirãoFreak desta semana vai mostrar. Segura aí na poltrona!

Série A

* O Corinthians atua acima da Média Inglesa e alcançou os 58 pontos, isto é: pode-se considerar no G6. Mais cinco pontos e garante G4 (vaga direita na fase de grupos da Libertadores)

* Os cinco primeiros já se garantiram na elite do ano que vem.

* Há nove pontos entre o G6/G7 e a ZR.

* O Botafogo não alcança mais a Média Inglesa. Pode considerar-se fora da briga pelo título.

* O Atlético-GO não alcança mais os 58 pontos. Pode considerar-se fora da briga pela Libertadores.

* Corinthians e Atlético-GO estão inalcançáveis entre si.

* Com 15 gols, o artilheiro Henrique Dourado igualou as seguintes marcas: Guga do Santos de 1993, Paulinho McLaren do Santos em 1991, Nílson do Inter de 1988, Dadá Maravilha do Galo de 1971, e César Maluco do Palmeiras e Ademar do Flamengo no Robertão de 1967.

Régua dos Pontos

58 a 88: Corinthians

49 a 79: Grêmio, Santos

47 a 77: Palmeiras, Cruzeiro

43 a 73: Botafogo, Flamengo

39 a 69: Vasco

38 a 68: Atlético-MG

35 a 65: Bahia, Atlético-PR, Fluminense

34 a 64: São Paulo, Sport

33 a 63: Vitória

32 a 62: Chapecoense, Ponte Preta 

30 a 60:  Avaí

28 a 58:  Coritiba

26 a 56: Atlético-GO

Série B

* Ninguém está na Média Inglesa, embora o Internacional a siga de perto. O Colorado precisa de seis pontos em nove jogos para cumprir a pontuação projetada para o acesso.

* Há 17 pontos entre o G4 e a ZR.

* Vila Nova e Oeste já não alcançam mais a Média Inglesa.

* Goiás e Figueirense não alcançam mais os 63 pontos projetados para o acesso.

* O ABC não alcança mais o Ceará, que é o último do G4.

* Internacional e Santa Cruz estão inatingíveis também. O América-MG também não pode mais ser alcançado pelos pernambucanos.

* Mazinho do Oeste é o novo artilheiro da B com 13 gols. A marca dele o iguala a Gauchinho do XV de Piracicaba de 1998, Tupãzinho do América-MG de 1997 e Maurício do Santa Cruz de 1996.

Régua dos Pontos

57 a 84: Internacional

54 a 81: América-MG

52 a 79: Paraná

51 a 78: Ceará

47 a 74: Vila Nova, Oeste

45 a 72: Juventude

42 a 69: Criciúma

40 a 67: Londrina

37 a 64: Brasil de Pelotas, Paysandu, Boa

36 a 63: CRB

35 a 62: Goiás, Figueirense

34  a 61:  Guarani,  Luverdense

29 a 56: Santa Cruz

26 a 53: Náutico

21 a 48: ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak 03/10

Já passamos 26 rodadas na Série A e 27 na Série B. É aquela hora no Decathlon do Atari que o bonequinho do 1500, ali perto do 1200, solta aquele sprint para quebrar o controle. Tudo muito próximo no rebolo. Lembrando que, por ter rodadas das Eliminatórias, esta coluna se dará uma folga, logo, só volta em 14 dias. Vamos aos números:

Série A

* O Corinthians segue dentro da Média Inglesa e precisa de três pontos para garantir-se no G6. Só que o Cruzeiro, recém-campeão da Copa do Brasil, está no G6, o que transforma atualmente no G7.

* Santos e Grêmio passaram os 45 pontos e estão teoricamente livres da degola.

* Há nove pontos entre o G7 e a ZR. Quatro pontos entre o oitavo e o décimo sétimo.

* O Flamengo não alcança mais a Média Inglesa. Inodoro.

Régua dos Pontos

55 a 91: Corinthians

47 a 83: Santos

46 a 82: Grêmio

43 a 79: Palmeiras

41 a 77: Cruzeiro

40 a 76: Botafogo

39 a 75: Flamengo

34 a 70: Atlético-PR, Atlético-MG

33 a 69: Vasco

32 a 68: Vitória, Chapecoense

31 a 67: Bahia, São Paulo, Ponte Preta, Fluminense

30 a 66: Sport, Avaí

28 a 64:  Coritiba

25 a 61: Atlético-GO

Série B

* O Internacional está rodando justamente na Média Inglesa. Havia muito tempo que não ocorria isso na B. Sinal de concentração da pontuação na reta final.

* O Internacional não pode mais ser alcançado pelo lanterna ABC. América-MG, Paraná e Vila Nova podem conseguir o mesmo na próxima rodada, o que colocaria na prática, sem ser mais nas projeções, o time natalense fora das chances de acesso. O Inter tem possibilidades de se tornar inalcançável também para o Náutico.

* O CRB conseguiu um tenebroso jackpot de cinco derrotas consecutivas.

* Há 15 pontos entre o G4 e a ZR.

* Paraná, Vila Nova, Ceará e Juventude atingiram recentemente os 45 pontos e estão livres da degola.

* O Londrina tem junto com o Inter o melhor ataque da competição. E tem a pior defesa. Live And Let Die!

* Finalmente temos um novo artilheiro isolado. Henan chegou aos 12 gols superando Belusso que está há muito no exterior. Os 12 gols do atacante do ameaçado Figueirense o iguala a Saulo do Paraná em 1992 e Osmarzinho do Botafogo-SP em 1980.

* O Criciúma não alcança mais a média inglesa. Teoricamente, o Tigre está fora da briga pelo título.

* O Santa Cruz não alcança mais os 63 pontos, podendo se considerar fora da briga pelo acesso.

Régua dos Pontos

54 a 87: Internacional

48 a 81: América-MG

46 a 79: Paraná, Vila Nova

45 a 78: Ceará, Juventude

44 a 77: Oeste

39 a 72: Criciúma

37 a 70: Londrina, Boa

34  a 67: Brasil de Pelotas , Guarani

33 a 66: Paysandu

32 a 65:  CRB, Figueireinse

31 a 64: Goiás, Luverdense

29 a 62: Santa Cruz

23 a 56: Náutico

18 a 51: ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas

#BrasileirãoFreak – 26/09

Pouco podem ter percebido, mas o Brasileirão entrou em seu terço final. Enquanto a Série D tem campeão, Operário Ferroviário, a C está indo para as semifinais. As Séries A e B, que são objeto desta coluna #BrasileirãoFreak, entram na contagem final. Situações começam a se encaminhar, no que pese o embolo no meio da tabela da A e no topo da B.

Série A

* O Corinthians segue dentro da média inglesa e precisa agora de quatro pontos para se garantir no G6.

* O Santos precisa de um ponto para se livrar do rebaixamento.

* A distância entre o G6 e a ZR subiu para 12 pontos. No entanto, entre o décimo colocado e a ZR são apenas três pontos.

* O Atlético-PR não alcança mais a média inglesa.

Régua dos Pontos

54 a 93: Corinthians

44 a 83: Santos

43 a 82: Grêmio, Palmeiras

40 a 79: Cruzeiro, Botafogo

39 a 78: Flamengo

34 a 73: Atlético-PR

32 a 71: Vasco

31 a 70: Chapecoense, Atlético-MG, Fluminense

30 a 69: Bahia, Sport, Avaí

29  a 68: Vitória

28 a 67: São Paulo, Ponte Preta

27 a 66:  Coritiba

22 a 61: Atlético-GO

Série B

* Ninguém na média inglesa, mas América-MG e Internacional, livres do rebaixamento, se aproximam gradualmente da marca.

* O Paraná precisa de dois pontos para se livrar do rebaixamento.

* O G4 está 14 pontos acima da ZR.

* Se vencer todas as partidas até o fim do campeonato, o Criciúma ainda tem chances de título.

Régua dos Pontos

48 a 87: Internacional, América-MG

43 a 82: Paraná

42 a 81: Vila Nova

41 a 80: Juventude, Ceará

38 a 77: Oeste

37 a 76: Criciúma

34 a 73: Londrina, Boa

33  a 72: Brasil de Pelotas , Guarani

32 a 71:  CRB

30 a 69: Paysandu

28 a 67: Goiás, Santa Cruz, Figueirense, Luverdense

20 a 59: Náutico

17 a 56: ABC

Freakadas Alheias

Use a tag #BrasileirãoFreak no Twitter e corra o risco de aparecer aqui. Nesta semana, ninguém teve a coragem de fazer isso.

Leave a Comment

Filed under Numeralhas