Numeralhas da 9.ª Rodada do Paranaense

pr2015

A rodada

Londrina 0 x 0 Paraná

 

Atlético 1 x 2 Maringá

Gols: Cléo (CAP); Edinho, Marcelo Xavier (MFC)

 

Foz do Iguaçu 1 x 0 Prudentópolis

Gol: Quirino (FOZ)

 

FC Cascavel 0 x 0 Operário

 

J. Malucelli 0 x 2 Coritiba

Gols: Rafhael Lucas, Wellington Paulista (CFC)

 

Rio Branco 1 x 3 Nacional

Gols: Bruno Andrade (RBR); Lucas Paulista (2), Cacá (NAC)

 

Jogos: 6

Gols: 10

Média de gols por partida da rodada:  1,67

Jogos até agora: 54

Gols até agora: 105

Média de gols por partida do campeonato: 1,94

 

Classificação

1.º Coritiba – 22 pts

2.º J. Malucelli – 20 pts

3.º Operário – 17 pts

4.º Foz do Iguaçu – 16 pts

5.º Londrina – 15 pts

6.º Paraná – 14 pts – 4 vitórias – saldo +2

7.º Maringá – 14 pts – 4 vitórias – saldo 0

8.º FC Cascavel – 13 pts

9.º Atlético – 8 pts

10.º Rio Branco – 7 pts

11.º Nacional – 3 pts

12.º Prudentópolis – 2 pts

 

* A média inglesa desta competição oscila entre 21 e 23 pontos. Não entendeu?Confira aqui!

* O líder Coritiba entrou na faixa da média inglesa com duas rodadas faltando, sinal de que a disputa não está tão equilibrada.

* Em 2014, o Paraná foi o primeiro colocado da fase de grupos, marcando apenas 18 pontos, e o Atlético foi o oitavo com 15. Equiíbrio não visto este ano. Faltando duas rodadas, quem tem 15 pontos está dentro, mas poderá ter time entrando com 13.

* Cinco equipes estão classificadas, duas no Torneio da Morte e outras cinco brigam por três vagas no mata-mata.

* Mais uma vez uma média de gols baixa: 10 gols em 6 jogos, 1,67 de média, derrubando a do campeonato para parcos 1,94 gols por jogo.

* A rodada derrubou dois treinadores. Claudinei Oliveira foi demitido do Atlético após quatro jogos sem vitória. Isso confirmou a máxima que, pelo menos desde 1992, nenhum treinador começou e encerrou o ano na casamata atleticana. Máquina de moer carne.

* Outro treinador que caiu foi Amauri Knevitz, do Rio Branco, que não resistiu à derrota para o Nacional em casa. Foi a primeira vitória do Nacional. Apenas o Prudentópolis não venceu.

* Por outro lado, caiu o último invicto, o J. Malucelli.

Faixas de pontos que podem alcançar ao final da fase:

Coritiba: 22 a 28

J. Malucelli: 20 a 26

Operário: 17 a 23

Foz do Iguaçu: 16 a 22

Londrina: 15 a 21

Paraná, Maringá: 14 a 20

FC Cascavel: 13 a 18

Atlético: 8 a 14

Rio Branco: 7 a 13

Nacional: 3 a 9

Prudentópolis: 2 a 8

 

* Coritiba, j. Malucelli, Operário, Foz do Iguaçu e Londrina estão matematicamente classificados, não sendo mais alcançados pelo nono colocado.

* Nacional e Prudentópolis não alcançam mais o oitavo colocado, o FC Cascavel.

* Paraná e Maringá podem se classificar sem fazer mais um ponto sequer. O Rio Branco pode ir para o Torneio da Morte vencendo seus dois jogos.

* Paraná e Maringá “brigam” apenas com o Atlético.  FC Cascavel briga com Atlético e Rio Branco. Rio Branco só briga com o FC Cascavel.

* O Coritiba se garantiu entre os quatro primeiros colocados.

 

Artilharia completa

8 gols

Rafhael Lucas (CFC)

5 gols

Rafael Santiago (MFC)

4 gols

Netinho (JMA)

Bruno Andrade (RBR)

3 gols

Baiano, Renatinho (FOZ)

Vieira (NAC)

Douglas (OPE)

Bruno Batata (JMA)

2 gols

Bruno Batata, Fabinho (JMA)

Joelson, Ruy (OPE)

Serjão (PRU)

Alan Santos, Wellington Paulista (CFC)

Ricardinho. Rossi (PRC)

Dirceu (LEC)

Tcharlles, Lucas Paulista (NAC)

Marcelo Xavier (MFC)

1 gol

Pedro Ken, Mazinho (CFC)

Crysan, Bruno Pelissari, Caíque, Lula, Cléo (CAP)

Bruninho, Carlinhos, Rodrigo Tosi, Paulo Henrique, Jean, Lucas Pará (PRC)

Wéverton, Rone Dias, Germano, Léo Maringá, Hiago, Celsinho (LEC)

Paulinho, Léo Salino, Juba, Jhonathan Silva, Jhonatan, Mateus Lima (OPE)

Alex Fraga, Fernando, Leandro Silva (JMA)

Bruno Flores, Paulo Henrique (RBR)

Edinho, Wesley, Leandro Silva, Quirino (FOZ)

Diogo, Fernandinho, Cacá (NAC)

Rodrigo Dantas, Gabriel Barcos, Rhuan, Edinho (MFC)

Jorge Preá, Anderson Rosa, Toni, Everton (FCC)

 

Derrota para o Maringá teve o primeiro gol do time principal do Atlético com Cléo (número 9), mas a derrota de virada custou o cargo de Claudinei Oliveira (Foto: Gustavo Oliveira / Site Oficial do CAP)
Derrota para o Maringá teve o primeiro gol do time principal do Atlético com Cléo (número 9), mas a derrota de virada custou o cargo de Claudinei Oliveira (Foto: Gustavo Oliveira / Site Oficial do CAP)

 

* O time principal do Atlético fez um gol finalmente, com Cléo, mas, mesmo assim, continua sendo um dos piores ataques da competição.

* Rafhael Lucas marcou mais uma vez para o Coritiba e manteve a escrita no Paranaense: gol de Rafhael Lucas = vitória do Coxa.

* Na surpreendente vitória do Nacional, Lucas Paulista marcou duas vezes. Foi o artilheiro da rodada.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: