São Braz e Grêmio Ipiranga empatam na primeira decisão da Copinha

Primeiro ato da decisão teve um gol e uma expulsão para cada lado

Tudo igual na primeira partida da final da Copa de Futebol Amador da Capital. São Braz e Grêmio Ipiranga empataram por 1 a 1 no placar e também nas expulsões neste sábado (13) no Monte Bérico. Davi fez o gol do São Braz, enquanto que Matheus empatou para o Grêmio Ipiranga. Ambas as equipes terminaram com dez em campo.

O jogo de volta será no próximo sábado (20) no Elba de Pádua Lima às 15h30. O vencedor levanta a taça inédita. Em caso de novo empate, a decisão irá para as penalidades máximas.

“Foi um jogo aguerrido. As duas equipes vieram imbuídas de sair com a vitória. Saímos na frente, pois o goleiro soltou a bola no meu pé e fiz o gol. No segundo tempo voltamos bem e eles tiveram o Iago expulso, mas na hora que a bola rolou perdemos o nosso zagueiro no pênalti. Ficou 10 para cada lado e jogo ficou pegado e empatado. Agora pretendemos descansar esta semana para semana que vem ir buscar o título na casa deles”, disse o meia Davi, autor do gol do São Braz.

“Hoje foi um jogo difícil. Time do São Braz é muito bom, chegou derrubando gigantes no mata-mata como Urano e Capão Raso. Começamos atrás no placar, mas  nosso time não baixou cabeça e com um a menos consegui roubar a bola e sofrer o pênalti e fazer o gol. Agora é trabalhar e descansar esta semana e buscar em nossa casa o titulo ao lado da nossa torcida”, afirmou o meia Matheus, autor do gol do Grêmio Ipiranga.

O jogo

O jogo começou em alta rotação com os times buscando o gol, mas às vezes pecando no excesso de jogadas compridas. Com o passar dos minutos, o Grêmio Ipiranga começou a ter espaço com André, enquanto que o São Braz tinha nas jogadas com Luizinho e Castelli sua principal válvula de escape.

Com apenas 17 minutos de jogo o São Braz perdeu Rômulo lesionado, entrando Allan. A partida foi exigente do ponto de vista físico.

Aos 41 minutos, o São Braz saiu na frente. Luizinho pegou a bola na direita e cruzou. O goleiro Rubinho saiu para defender o cruzamento, mas acabou soltando a bola no pé de Davi, que aproveitou a chance.

Na segunda etapa, as coisas pareciam estar se consolidando a favor dos mandantes. Aos 10 minutos, Iago, que tinha cartão amarelo, tentou marcar gol desviando a bola com a mão. Foi expulso, deixando o Grêmio Ipiranga com dez em campo. No entanto, a vantagem numérica durou quase nada. Pouco depois, aos 12 minutos, Matheus partiu pela esquerda e foi derrubado na área por Felipinho, que tinha cartão amarelo e também foi expulso. Com dez para cada lado e pênalti a favor, coube a Matheus converter e empatar a partida.

O jogo esteve perto de ter um vencedor, mas as defesas se sobressaíram mesmo com mais espaço. Assim, tudo está aberto para o jogo de volta, que promete ser uma partida de muito contato físico, já que o o gramado do Elba de Pádua Lima é bem menor que o do Monte Bérico.

Ficha Técnica:

São Braz 1 x 1 Grêmio Ipiranga

Estádio Monte Bérico, São Braz, Curitiba

São Braz: Jair; Paulinho, Felipinho, Couto e Fred (Pedro); Thiago (Gui), Rômulo (Allan) e Davi; Castelli (Bruno), Luizinho e Tripa (Cesinha). Técnico: Romildo Carignano.

Grêmio Ipiranga: Rubinho; Moura, Alex Dog, Iago e Miranda (Léo); Marcelo, Gustavo, Mineiro (Peter) e Matheus; André (Lucas) e Juliano (Raul). Técnico: Deoclécio Japa.

Arbitragem: Selmo Pedro dos Anjos Neto, Danilo Padilha Porse, Alisson Alceu Bernardi Lovato.

Gols: Davi (SBR, aos 41’/1.º); Matheus (GRI, aos 12’/2.º).

Cartões Amarelos: Paulinho, Thiago, Fred, Felipinho, Pedro (SBR); Juliano, Iago (GRI).

Cartões Vermelhos: Iago (GRI, aos 10’/2.º, dupla advertência); Felipinho (SBR, aos 12’/2.º, dupla advertência).

Confira imagens da partida:

Este slideshow necessita de JavaScript.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: