Pílulas da Suburbana (IV)

O Urano jogará a Copinha com intenção de preparar jogadores para a Série B da Suburbana

Urano na Copinha

As inscrições para a Copa de Futebol Amador da Capital foram esticadas para esta terça-feira, muito em função do feriado ter atrapalhado a tomada de certidões por muitas equipes. Entre os inscritos, já há uma surpresa: é o Urano, que normalmente não jogaria esta competição no meio do ano. A meta do Azulão no ano do seu cinquentenário é voltar à Série A da Suburbana e, para isso, usará uma mescla de jovens jogadores e alguns atletas mais tarimbados na Copinha com o objetivo de amadurecer a equipe para a competição do segundo semestre.

Mudança no comando (I)

Serginho Jordão não é mais o treinador do Urano. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (19). Jordão treinava o Azulão desde 2014 e havia sido auxiliar em 2013. O treinador afirmou à reportagem estar aberto a propostas de outros clubes da Suburbana, sendo que, na Liga de Fazenda Rio Grande, cujos jogos são em dias não conflitantes com a Suburbana, segue treinando o Operário Fazendense.

Mudança no comando (II)

O substituto de Serginho Jordão no Urano já está definido. É Cristiano Bassoli, que acumula as funções de presidente do clube. Bassoli treinou na temporada passada o time juvenil do próprio Urano. Em 2016 foi campeão da Série B Juvenil com o Bangu. Com isso, o Azulão deverá definir um outro treinador para assumir o Juvenil.

Uber aposta na manutenção

Enquanto as coisas mudam na Vila São Pedro, nem tão longe dali, na Vila Uberlândia, as coisas seguirão como estavam, ao menos na casamata. Joãozinho Ribeiro, que treina a equipe desde 2015, foi confirmado nesta segunda-feira como técnico da equipe para 2018. No currículo de Ribeiro está o vice-campeonato com acesso na Série B da Suburbana em 2015, dois vices-campeonatos na Copa de Futebol Amador da Capital, e duas campanhas com permanência e classificação para o mata-mata na Série A da Suburbana.

Novo técnico no União Ahu

Julio César Oliveira, de boné branco, é o novo técnico do União Ahu (Foto: Jefferson Guedes / União Ahu)

O União Ahu anunciou nesta segunda-feira (19) o nome do novo treinador. É Julio César Oliveira, com passagens recentes por Bairro Alto e Caxias. Ele substitui Marcelo Leôncio, cuja saída havia sido anunciada semanas atrás. Oliveira, que era conhecido como Júlio Louco, afirmou recentemente estar em uma nova fase na carreira, longe das polêmicas que ficou marcado.

Permanência também no Mossunguê

Quem se mantém no cargo de técnico é Jardan Okoinski no Imperial. Okoinski era goleiro reserva no Tricolor do Mossunguê quando assumiu como treinador no lugar de Pastor Serafim. No comando da equipe, conseguiu cumprir a missão de salvar do rebaixamento na última rodada, permitindo que o Imperial vá para sua terceira temporada seguida na elite da Suburbana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: