Santíssima Trindade vence Fortaleza e dá passo importante pelo título da Série B

Batoré recebe o afago dos companheiros após marcar o segundo gol do Santíssima Trindade num Parque Linear com gramado bastante pesado

Em um Parque Linear com o gramado bastante pesado, na tarde deste sábado (4), o Santíssima Trindade venceu o Fortaleza por 2 a 0 e saiu com vantagem na decisão da Série B da Suburbana. Luiz Fernando e Batoré marcaram os gols do time da casa, que jogou com um a mais desde a expulsão de Kairo aos 27 minutos do primeiro tempo.

As duas equipes, que estarão na Série A da próxima temporada, voltam a se enfrentar no Antonio Monteiro Sobrinho, próximo sábado (11), às 16h30. O Trindade pode perder por um gol de diferença. Vitória do Fortaleza por dois gols de vantagem leva para os pênaltis. Vitória do Fortaleza por três ou mais de vantagem dá o título ao time do Gabineto. O campeão, além da taça, garante uma vaga na Taça Paraná da próxima temporada.

“Fizemos o que precisávamos: vencer, não importando o placar, para ter alguma tranquilidade lá, pois não será fácil, como aqui não foi. É isso: pegada, pois lá será um jogo difícil”, disse Luiz Fernando do Santíssima Trindade. “É complicado, desde o primeiro tempo com um a menos, com o campo pesado. Nosso time tem toque de bola e o campo prejudicou os dois, mas o que pesou foi a expulsão. Agora precisamos jogar no nosso campo, onde não perdemos de ninguém e lutar para reverter o resultado”, analisou Willian Manfron do Fortaleza.

O jogo

Um temporal caiu pouco mais de hora e meia antes do jogo. Com isso, o gramado do Parque Linear ficou bastante encharcado. Com a bola rolando, um jogo de bastante choque e nem tantas chances até que Kairo, que tinha amarelo por reclamação, perdeu a bola no campo de ataque e tentou recuperar a posse com um desastroso carrinho por trás. Expulsão, deixando o Fortaleza com um a menos desde os 27 minutos da etapa inicial.

No entanto, o jogo seguiu equilibrado, com o meio-campo visitante compensando a falta de um jogador na base da correria.

Porém, no segundo tempo, a conta do esforço acabou vindo e aí começou a brilhar o goleiro Valderson, que pegou uma bola longa de Marcão e uma cabeçada a queima-roupa de Giovani. Do outro lado, Roberto poderia ter aberto o placar com uma boa subida pela esquerda e uma batida na saída de Paulo Sérgio não tão forte, permitindo a recuperação da zaga.

O gol de abertura saiu aos 28 minutos. Luiz Fernando ajeitou para o pé esquerdo e bateu no canto.

A ampliação veio com Batoré, aos 34 minutos, desviando bola na pequena área e indo para o abraço.

Registro triste

Meia hora após o jogo, uma confusão. O técnico do Fortaleza, Vilmar Assunção, acusou uma torcedora do time do Santíssima Trindade de ofensas racistas e acabou recebendo um tapa na cara. Os dois foram contidos. Nas redes sociais, o técnico lamentou o ocorrido e afirmou cogitar aposentadoria dos gramados da Suburbana. A torcedora acusada da ofensa, por sua parte, negou ter usado de ofensas racistas contra o treinador, dizendo ter família afrodescendente, e que se sente ameaçada ao ponto de anunciar que não irá ao jogo decisivo. Por sua vez, o treinador negou ter feito ameaças. As informações são do site Do Rico Ao Pobre.

Ficha Técnica:

Santíssima Trindade 2 x 0 Fortaleza

Estádio Parque Linear, Vila Autódromo, Cajuru, Curitiba

Santíssima Trindade: Paulo Sérgio; Baiano, Queen, Juliano e Marlon; Marcão, Jé, Lelo e Tom (Luiz Fernando); Giovani e Batoré (Wesley). Técnico: Dinei.

Fortaleza: Valderson; Piwi, Marcão, Neguinho e Dudu; Xiru, Kairo, Roberto e Willian Manfron; Cafu e Michael (Wuallysson). Técnico: Vilmar Assunção.

Arbitragem: Thiago Coltre Nogueira, Diogo Morais e Tom Gomes Rocha.

Gols: Luiz Fernando (STR, aos 28’/2.º), Batoré (STR, aos 34’/2.º).

Cartões Amarelos: Queen, Jé, Tom (STR); Marcão, Neguinho, Dudu, Kairo, Willian Manfron e Michael (FOR).

Cartão Vermelho: Kairo (FOR, aos 27’/1.º, dupla advertência).

Confira imagens da partida:

Este slideshow necessita de JavaScript.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: