Operário Pilarzinho goleia Santíssima Trindade e entra no G4

Jogadores do Operário Pilarzinho comemoram o gol de Bitoca: meia fez dobradinha e ajudou Coruja a subir para a quarta colocação

Jogando no Bôrtolo Gava na tarde desde sábado (1.º), o Operário Pilarzinho goleou o Santíssima Trindade por 4 a 0 em partida válida pela Suburbana Série A. O resultado colocou o Time da Coruja na quarta colocação, com dez pontos, o que vale o direito, caso mantida, de decidir em casa o duelo das quartas de final. O Santíssima Trindade segue na vice-lanterna com apenas dois pontos.

O destaque da partida foi o meia Bitoca, autor de dois gols. Dionata e Rodriguinho fizeram os outros gols do time mandante.

“Temos de fechar o grupo, se poupar de algo durante a semana e raça pura para tentarmos sair desta situação”, disse Tosta, meia do Santíssima Trindade. “Não foi fácil, apesar do placar. Desde o começo pensando em classificar entre os quatro para termos vantagem na próxima fase”, afirmou Bitoca, meia do Operário Pilarzinho.

A Suburbana para no feriado e volta no dia 15 de setembro. O Operário Pilarzinho receberá o Novo Mundo, adversário direto, no Bôrtolo Gava. o Santíssima Trindade recebe o Vila Fanny no Pedro de Almeida. Juvenis entram em campo às 13h30 e os adultos às 15h30.

O jogo

O Operário Pilarzinho teve um começo avassalador, abrindo o marcador aos 4 minutos com Rodriguinho e ampliando aos 7 minutos com Dionata. O time da casa envolvia o Trindade, que tinha dificuldades de armação.

O terceiro gol não tardou, saindo aos 29 minutos numa finalização precisa de Bitoca após jogada coletiva.

As mexidas do técnico Valdo do Santíssima Trindade no intervalo surtiram efeito, com o time melhorando com Nando, Marcão e principalmente Jacaré, o que fez Jhonatan crescer no jogo e dar algum trabalho ao time do Operário Pilarzinho, que desacelerou. Mas com o placar desfavorável por margem larga, acabou não podendo mudar a história do jogo.

No fim das contas, quem marcou foi o Operário Pilarzinho, com Bitoca aproveitando ótima triangulação e vencendo o goleiro Vinícius na saída aos 14 minutos.

Ainda deu tempo de Guilherme Cataplan do Operário Pilarzinho ser expulso aos 36 minutos por acertar um tapa em Queen após sofrer uma falta.

Nos juvenis, Operário Pilarzinho também goleia

Jogadores do Operário Pilarzinho comemoram o gol de Guga, o quinto da goleada

Na preliminar de juvenis, o Operário Pilarzinho também se deu melhor e de goleada. O resultado de 5 a 0 colocou os mandantes na sexta colocação com seis pontos, enquanto que os visitantes estão na lanterna com dois pontos.

Léo Gasparin abriu o placar para o Pilarzinho aos 11 do 1.º tempo. Léo ampliou aos 32. No segundo tempo, aos 4 minutos, Arthur fez  terceiro. O quarto gol foi de Lucas Panichi de falta aos 25 minutos. Léo teve um pênalti defendido por Mateus Lopes, goleiro do Trindade. No entanto, a partida teve outro pênalti e Guga converteu aos 35 minutos, dando números finais.

Ficha Técnica:

Operário Pilarzinho 4 x 0 Santíssima Trindade

Estádio Bôrtolo Gava, Pilarzinho, Curitiba

Operário Pilarzinho: Evandro; Jé, Igor, Thiago Gbur e Dionata; Joãozinho Madureira (Diego), Thomas Guedes (Adriano Sagui), Bitoca e Rodriguinho (Guilherme Cataplan); Fábio e Quintino (Leandrinho). Técnico: Peterson Freitas.

Santíssima Trindade: Vinícius; Baiano, Juliano, Queen e Marcelo (Marcão); Tosta, Jhonatan (Pé), Henrique (Jacaré); Tom (Tupã) e Remilson (Nando). Técnico: Valdo.

Arbitragem: Robson Toloczko Coutinho, Eduarlo Luiz Teixeira Furiatti, Ryan Chubter Ribeiro.

Gols: Rodriguinho (OPP, aos 4’/1.º), Dionata (OPP, aos 7’/1.º), Bitoca (OPP, aos 29/1′.º, aos 14’/2.º).

Cartões Amarelos: Rodriguinho (OPP); Baiano, Queen, Tosta (STR).

Cartão Vermelho: Guilherme Cataplan (OPP, aos 38’/2.º, por tapa no adversário).

Confira imagens das partidas:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: